Quinta-feira, 15 de Novembro de 2018

Visita da escritora Vânia Simões

A escritora Vânia veio cá à escola contar-nos uma história do livro que ela escreveu: “Clareira dos Afetos”.

lç.jpgGostámos muito de ouvir a história.

gu.jpg

ui.jpgNo fim falámos sobre a história e fizemos perguntas à autora.
Foi muito divertido!

CBC às 13:04
| comentar | favorito
Segunda-feira, 12 de Novembro de 2018

Histórias de encantar

Estivemos a ouvir a “História do Natal”.

hh.jpg

Dissemos várias coisas e discutimos sobre o que acontece na história.
- “Nasceu um bebé!” F.
- “Chama-se Salvador.” D.
- “O pai é José.” B. F.
- “A mãe é Maria.” A.
- “Tem um cavalo.” M.
- “Não é um burro.” vários
- “Tem pastores.” vários

Falámos sobre os Reis Magos, os camelos, o deserto, o estábulo, o Anjo, a estrela especial….
Aprendemos duas canções novas
sobre os pastores e os Reis Magos.
Decidimos fazer um teatro.

Segunda-feira, 5 de Novembro de 2018

Teatro: "Terra Torga"

Na passada sexta feira fomos à Oficina Municipal do Teatro ver a peça "Terra Torga", inspirada nas obras de Miguel Torga. Gostámos imenso! 

À tarde estivemos a conversar sobre o que aconteceu no teatro: como as personagens brincaram com as pedras, a terra, a água, falaram do ninho, tentaram trepar a uma "árvore", foram à terra maravilhosa,...enfim, fizeram-nos rir e sonhar...

Depois falámos sobre o escritor Miguel Torga e sobre o poema "Sei um ninho"-

Miguel Torga

Ver a imagem de origem

 

Nasceu a 12 Agosto 1907
(S.Martinho de Anta-Sabrosa, Portugal)

Morreu em 17 Janeiro 1995
(Coimbra)

Miguel Torga, pseudónimo de Adolfo Correia da Rocha, foi um dos mais influentes poetas e escritores portugueses do século XX. Destacou-se como poeta, contista e memorialista, mas escreveu também romances, peças de teatro e ensaios.

Sei um ninho

 

Sei um ninho. E o ninho tem um ovo.

E o ovo, redondinho,
Tem lá dentro um passarinho
Novo.

Mas escusam de me atentar:
Nem o tiro, nem o ensino.
Quero ser um bom menino
E guardar
Este segredo comigo.
E ter depois um amigo
Que faça o pino
A voar...

 

 

CBC às 14:42
| comentar | favorito
Terça-feira, 23 de Outubro de 2018

Lenda de S. Martinho

 

Estivemos a ouvir a “Lenda de S. Martinho”.

Fizémos alguns comentários no final da história….

- “Estava a chover e ele estava em cima do cavalo.” M.

- “Chamava-se Martinho.” T.

- “O Martinho deu a capa.” I.

- “Estava a chover.” R. C.

- “Deu a capa ao senhor. O Martinho.” Sl.

- “Estava a chover. O S. Martinho deu a capa ao velhote.” St.

- “O pai deu-lhe uma capa.” Gb.

- “O pai deu-lhe um cavalo.” A.

- “O pai deu uma espada ao Martinho.” D.

- “O Martinho era um cavaleiro. Deu a capa ao pobre.” C. F.

 - “Ele tinha uma espada e um capacete. E a chuva apareceu.” F.

- “Estava a chover e trovoada. O S. Martinho tinha uma espada.” C. M.

 

CBC às 14:41
| comentar | favorito
Segunda-feira, 16 de Julho de 2018

Quantas sílabas tem o meu nome?

 Estivemos a ver quantas sílabas tem cada um dos nossos nomes próprios. Para compreendermos melhor contámo-las com batimentos de palmas.

Assim foi muito mais fácil!!

Depois registámos recortando os bocadinhos (sílabas) do nome e colando. Trabalhámos em pares para nos ajudarmos uns aos outros a……...pensar!!!

 

IMG_20180716_104711.jpg

IMG_20180716_104714.jpg

 

 

 

 

CBC às 13:31
| comentar | favorito
Quarta-feira, 6 de Junho de 2018

"A Lagartinha...." em padrões


Resultado de imagem para a lagartinha muito comilona

Estivemos a ouvir a história “A Lagartinha muito comilona” que fala sobre a metamorfose da lagarta desde que sai do ovo até se tornar borboleta. “No princípio apareceu o ovo, depois a lagarta comeu, comeu, comeu…até ficar grande, construiu um casulo e transformou-se numa borboleta.” (vários)

Depois de comentarmos o que interpretámos da história foi-nos dada a ideia que a K. estava a dizer de manhã, quando pintou uma saia no seu desenho com duas cores que se repetiram dizendo “é um padrão”. Estivemos então a discutir o que seria um padrão.”Um padrão é como se fosse vermelho-verde, vermelho-verde.”

A seguir fomos pintar a nossa lagarta com a unidade de padrão que escolhemos. Alguns escolheram duas, outros três e outros quatro cores.

Foi muito interessante!

 

Interpretação da história

- G. M. : “Ela comeu muitos doces e ficou uma borboleta.”

- J.: “Eu gostei da parte em que se transformou numa borboleta. Gostei quando ela comeu um queque e uma melancia. Tinha 6 pernas.”

- D.: “Eu gostei da parte quando a lagarta comeu um queque e também gostei quando saiu do casulo.”

- Lr.: “Eu gostei que ela comesse doces e quando ela estava no casulo.”

- A.: “Eu gostei da parte de quando a lagarta se transformou numa borboleta. Ela comeu uma folha e ficou boa porque tinha comido muita coisa e ficou doente. Gostei da parte em que ela destruiu o casulo.”

- Br.: “Eu gostei quando a lagarta se transformou em borboleta. Tinha mais asas do que duas em cada lado. Tinha várias cores.”

- V.: “Eu gostei da parte quando a lagarta ficou borboleta e também da parte em que ela comeu uma melancia e uma salsicha. Ela ficou grande.”

- Al.: “Eu gostei que a lagarta se transformasse em borboleta e que ela comesse muitas frutas e que ele comesse uma folha.”

- K.: “Eu gostei da parte em que a lagarta se transformou numa borboleta e de quando ficou muito gorda.”

- S.: “Gostei quando a lagarta saiu do ovo e depois comeu um chupa-chupa, uma tarte e depois transformou-se em borboleta e estava às cores.”

 

CBC às 13:54
| comentar | favorito
Segunda-feira, 16 de Abril de 2018

"Quando a mãe era pequena"

Estivemos a ouvir esta maravilhosa história sobre como eram certas coisas no tempo das nossas mães (ou avós).

Imagem relacionada

 

Imagem relacionada

Gostámos muito de ver como algumas coisas eram tão diferentes e falámos depois de coisas que ainda temos guardadas nas nossas casas e das coisas que nos contaram as nossas mães e avós.

Imagem relacionada

 

É uma história muito bonita e muito interessante!!

CBC às 16:39
| comentar | favorito
Sexta-feira, 6 de Abril de 2018

Teatro: "A Casa da Mosca Fosca"

Estamos a preparar um teatro sobre esta história e já começámos a ensaiar.

Imagem relacionada

Escolhemos as personagens, os cenários e a música. Fizémos um registo sobre a contagem que fizémos da ordem em que os animais chegam a casa da Mosca Fosca.

DSC01407.JPG

DSC01404.JPG

Depois desenhámos a mesa e os animais. Ah! E o bolo....que é muito importante!

DSC01406.JPG

CBC às 16:34
| comentar | favorito
Quarta-feira, 28 de Fevereiro de 2018

Quantas palavras tem o meu nome?

Estivemos a ver os nossos nomes completos e a tentar “descobri-los” na mesa.

Depois colámo-los numa cartolina, contámos as palavras e escrevemos o número à frente.

No fim pudemos comparar quantos meninos têm 3 palavras no nome, 4, 5, 6 ou 7.

DSC01247.JPG

 

DSC01248.JPG

Foi muito interessante!!

Agora vamos fazer um ficheiro de nomes completos para ficar na Área da Escrita.

CBC às 16:27
| comentar | favorito
Sexta-feira, 16 de Fevereiro de 2018

Trabalho de texto

O último trabalho de texto que nós fizémos foi com o texto do M.Cv..

DSC01184.JPG

 O grupo fez algumas perguntas ao autor do texto para o aumentar..

              Perguntas

- "Quem é que comprou?" A.

- "Foi a minha mãe."

- "Foste comprar onde?" - M. T.

- "Ao Pingo Doce."

- "Há quanto tempo foi?" - D. T.

- "Foi há 3 semanas."

- "Compraste panquecas?" - V.

- "Isso já está no texto!"

- "Compraste um iogurte?" D. P.

- "Sim."

- "Quantas panquecas é que tu compraste?" D. P.

- "Era um pacote."

- "Quantos fiambres é que compraste?" D.T.

- "Era muito!"

- "Quantos queijos é que tu compraste?" A.

- "Era um pacote de fatias."

Depois escolhemos títulos. Quem quis disse títlulos que lhe pareceram bem como:

"Eu fui às compras"- J.

- "Fui ao Pingo Doce comprar comida" - D. P. 

- "Comprei queijo e fiambre"- Le.

Discutimos as ideias de títulos e o M. Cv., autor do texto, achou que ficava melhor o título: "Compras ao Pingo Doce".

Conversámos sobre as frases, as palavras, as maiúsculas e as minúsculas.

Rodeámos as letras que conhecemos. 

DSC01185.JPG

CBC às 16:23
| comentar | favorito

Sala da Rute, Educadora de Infância, sonhadora, sempre à procura de mais e melhor


pesquisar

 

Dezembro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Visita da escritora Vânia...

Histórias de encantar

Teatro: "Terra Torga"

Lenda de S. Martinho

Quantas sílabas tem o meu...

"A Lagartinha...." em pad...

"Quando a mãe era pequena...

Teatro: "A Casa da Mosca ...

Quantas palavras tem o me...

Trabalho de texto

arquivos

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

tags

todas as tags